Menu

27 novembro 2013

EU VI #18: Os Infiltrados

Sabe aquele tipo de filme que te deixa extasiado, assombrado e com uma baita interrogação na cabeça no fim? E não, não é porque não tem um final. Mas é essa sensação angustiante que tive ao ver Os Infiltrados (The Departed), filme de Martin Scorsese e vencedor do Oscar de Melhor Filme em 2007.

A trama, refilmagem de um blockbuster chinês chamado Conflitos Internos aqui no Brasil, trata dos dois lados da polícia e da criminalidade de Boston e com nomes de peso como Jack Nicholson, Matt Damon, Leonardo DiCaprio e Mark Wahlberg deixa o espectador em estado de êxtase completamente tenso.



Sinopse:

A polícia trava uma verdadeira guerra contra o crime organizado em Boston. Billy Costigan (Leonardo DiCaprio), um jovem policial, recebe a missão de se infiltrar na máfia, mais especificamente no grupo comandado por Frank Costello (Jack Nicholson). Aos poucos Billy conquista sua confiança, ao mesmo tempo em que Colin Sullivan (Matt Damon), um criminoso que foi infiltrado na polícia como informante de Costello, também ascende dentro da corporação. Tanto Billy quanto Colin sentem-se aflitos devido à vida dupla que levam, tendo a obrigação de sempre obter informações. Porém quando a máfia e a polícia descobrem que entre eles há um espião, a vida de ambos passa a correr perigo.





Trailer:



Billy Costigan (Leonardo DiCaprio) e Colin Sullivan (Matt Damon) são dois jovens policiais sonhando com o sucesso na carreira, mas quando se vive num lugar empestado de criminosos, os dois caminhos a se percorrer é bem árduo. A batalha se inicia na dolorosa missão de reunir provas que coloquem o poderoso e inatingível Frank Costello (Jack Nicholson) na cadeia. Mas ninguém espera que as armas para se lutar essa guerra sejam tão assustadoras.

Criado levando uma vida dupla, hora com a mãe rica, hora com o pai pobretão do subúrbio, Billy Costigan não tem a menor pinta de playboy. Rosto marcado por fingir e mentir mais que o necessário, não se sabe ao certo porque ele quer ser um policial. E é se aproveitando desse estigma que os detetives Queenan e Dignam o empurram para trabalhar como infiltrado na gangue de Costello


Em contrapartida, Colin Sullivan é o cara perfeito e dedicado, buscando os louros do prestígio. Mas debaixo dessa máscara de honestidade mora um sujeito que foi moldado a vida toda por um criminoso para ser um infiltrado dentro da polícia.


É com esse start que Os Infiltrados rege sua história de tensão. A guerra das ruas através dos detalhes, as sutilezas que percorrem o crime e as peripécias vivenciadas por todos aqueles que se propõe a agir dignamente são o que delineiam o ritmo desse filme arrebatador. Além disso, as interpretações magníficas de Nicholson, DiCaprio e Damon dão todo o ar de euforia que o filme requer.




Como não mencionar, portanto, cenas de absoluta complexidade e terror, um misto perfeito de como a vida dupla e a busca pela verdade estão entrelaçadas. O que Scorsese exibe na tela é um tipo de caldeirão de emoções, onde a mentira é a rainha que faz súditos a todo instante, e que com uma arma na mão, ninguém é 100% policial ou 100% criminoso.




O peculiar desse filme que nos leva ao susto completo é a forma de interagir dos personagens, onde a todo momento você desconfia qual o próximo passo que eles darão em busca da verdade, qual será a melhor maneira de manter o disfarce e como viver em constante pressão pode levar facilmente alguém à loucura ou  coisa pior, como desistir de seus princípios mais fervorosos.

Outra coisa bacana é a perfeita sincronia entre Matt Damon e Leonardo DiCaprio que apesar de terem poucas cenas juntos, soaram incríveis como rivais. Enfim, é um filme de perder o fôlego, com astros majestosos do cinema e com um roteiro muito bem amarrado e a direção cheia de adrenalina do Martin Scorsese

Você tem que ver! 

Outros Pôsteres:







Imagens: Reprodução

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...