Menu

14 setembro 2015

SUPERNATURAL - A estrada até aqui...


Nunca fiz um post sobre Supernatural porque sempre achei que a série era grande e vasta demais para caber em apenas uma mera página. Ainda assim, tenho que confessar que essa é uma das poucas séries que acompanho desde os primórdios e que não me canso de ver episódio após episódio, mesmo depois de dez anos. Isso mesmo: deeeeeez anos.


Então, por que um post justo agora? Apenas porque acho que a longa estrada percorrida pelos irmãos Winchester merece algum triunfo antes de sua estocada final. Isso é, se é que haverá mesmo uma estocada final.




Poucas séries na TV podem se dar ao luxo de dizer que alcançaram dez anos de estrada tendo passado por poucas e boas com seus personagens e mantido a fidedignidade do enredo, bem como a permanência dos atores principais. Jared Padalecki e Jensen Ackles que dão vida a Sam e Dean respectivamente estão mais do que bem adaptados em seus papeis que muitas vezes não podemos dizer onde começa um e termina o outro. A química dos caras em cena é incrível e todos os outros atores que passaram pela série apenas deram um molho extra a algo que já funcionava muito bem.


No entanto, depois de dez longos e turbulentos anos, o que se esperar dessa série que não cansa de colecionar fãs e que a cada dia parece se reinventar?

Pra ser sincera e pra quem acaba de ver a décima temporada (sim, eu fico adiando que é pra sensação de hiatus durar menos tempo), acho que Supernatural já conseguiu ir além de todas as mitologias imagináveis. Vamos lá: já tivemos o demônio de olhos amarelos, a Lilith, o próprio Lúcifer, já tivemos os mais variados e impensados tipos de monstros e fantasmas, e pra completar a série já conseguiu por várias vezes chegar ao cúmulo de debochar de si mesma. É uma panela de pressão que parece não explodir nunca!


Se você não costuma acompanhar a série porque 1) Tem medinho dos monstros: aviso que deixe de besteira, porque a série não dá medo em ninguém, é mais uma tragicomédia do que qualquer outra coisa, 2) Porque não tem paciência pra ver todos os mais de 200 episódios dessa saga sem fim: bem, é preciso começar de algum lugar e digo que uma vez que você concluir a primeira temporada, você ficará viciado. E infelizmente não dá pra entender todo o segmento de Supernatural sem acompanhá-la desde o início. Sim, há os episódios isolados que pouco contribuem para o andamento geral da história, mas em cada um deles tem uma informação nova sobre a guerra que os irmãos Winchester estão travando. É alucinante.


Uma vez que eu penso que você é tão viciado na série quanto eu, ou pelo menos tem algum conhecimento, vou aqui debulhar minhas infames teorias sobre o que podemos esperar na décima primeira temporada. Aguenta o tranco. (Ah, e claro, isso vai tá cheio de SPOILERS!)


Durante a quarta e quinta temporada eu vi uma série bem nítida, focando principalmente na relação conturbada de desconfiança dos irmãos Sam e Dean. Depois de todo aquele auê, de Dean ter ido pro inferno, de Sam ter virado casca do diabo, bem... Eu não esperava que a série fosse para mais nenhum lugar, ou seja, pra mim aquele era o ápice. A batalha entre anjos e demônios de certa forma foi épica, e ter os Winchester no meio da guerra deixou tudo ainda mais animado. No entanto, outras temporadas vieram, outras coisas sobrenaturais apareceram e o que nós pensávamos ser o fim, era apenas o começo.

A décima temporada trouxe um conceito diferente, contudo. Não vimos um vilão único, não tivemos exatamente uma batalha travada, tudo girou em prol da tal da Marca de Caim e o medo exacerbado de Dean voltar a ser demônio. Pra finalizar, veio essa coisa estranha e louca no último episódio que deu um pano mais que grande pra manga da próxima temporada: a Escuridão. Sinceramente, não sei que conceito dar para esse negócio. Com o Apocalipse eu esperei uma coisa e foi algo completamente diferente, então essa nuvem de fumaça negra pode se algo bem além do que imagino. Ainda assim, acho que é hora de um personagem mais do que importante dar as caras.

DEUUUUUUUS, cadê você??????


Pois é. Alguns fãs acham que o Chuck é a bola da vez e que ele não tem nada de profeta, mas é sim o Todo-Poderoso. Eu já não vou nessa onda. Acho ele super importante pra o desenvolvimento da saga - quem não lembra do episódio master ninja "A Canção do Cisne" na quinta temporada? - e acredito que ele deva aparecer outra vez agora. Penso que os Winchester ainda precisam resolver suas pendências de forma mais racional e parar com o drama de esconde-esconde. Quanto à Castiel, nem sei o que pensar depois que a bruxa Rowena jogou aquele feitiço doido nele. Tadinho, logo agora que tinha recuperado sua graça inteira e estava à pleno vapor... Já o Crowley, bem... Esse está dando todo o cabimento para ser cada vez mais chamado de Rei do Inferno.

Bom, com tantos assuntos pendentes, é bem possível que os escritores da série tragam outros personagens importantes, relembrem alguns (#saudades Bobby, Jo, Charlie, Kevin, John) e deixem o enredo mais audacioso, vai ver que rola até crossovers com outra séries, porque afinal, quem não queria ver Sam e Dean cortando cabeças de vampiros em The Vampire Diares? Seria épico.

O trailer da décima primeira temporada lançado esses dias ainda não dá muito pra absorver o que será desse novo ano, mas uma coisa é fato, os irmãos parecem estar em busca de algo que resolva a parada sinistra que está rolando aqui embaixo. Se no céu o povo não consegue manter a ordem, aqui na Terra será preciso uma mão extra pra dar fim na bagunça exagerada que essa guerra de anos formou.


O fato é que nenhuma teoria nunca é suficiente para as coisas absurdas que a série sempre nos traz. Absurdas e ótimas, vale dizer, porque mesmo após dez anos, Supernatural não cansa, não fatiga, não perde a mão. A cada temporada ficamos mais afoitos para saber onde os dementes dos Winchesters vão se enfiar agora e quem eles vão ter que destruir para continuar por aí dirigindo seu Impala 67. A série já virou um coringa da TV, uma coisa bem cult e com público definido. Não à toa as inúmeras convenções espalhadas pelo mundo dedicadas somente aos fãs. Outros formatos já foram lançados, dentre livros, HQ's, jogos e é perceptível que ninguém cansa do mundo mágico e aventureiro de Sam e Dean. Além do mais, o elenco ajuda bastante, porque todos sabem que eles são um show ambulante, dando mais extras pra o fandom do que qualquer outra série de TV da atualidade.


Para o próximo ano, eu esperava que os irmãos dessem uma mudada de vida, mas acho difícil acontecer. Queria vê-los chefes de família e ainda assim, continuando o trabalho de caçadores. O fato é que a família Winchester parece ter terminado ali e o único futuro que vejo para uma possível última temporada, é se os dois morrerem linda e tranquilamente ao mesmo tempo, e sem ter ninguém que os traga de volta.

Enquanto todas essas ideias malucas continuam sendo somente ideias, temos que aguardar alguns dias até o retorno da série na TV americana. Em 7 de Outubro os caçadores estarão de volta com mais traquinagem, maldições e provavelmente, tentando derrotar mais um capeta. Sam e Dean estarão na área com todo sal, água benta e facas sagradas de seu arsenal. Fujam demônios!


4 comentários:

  1. Eu simplesmente AMO essa série há 10 anos e não, não vaiter final, pelo menos por enquanto. Já foi renovada e o diretor disse que tem história para mais 10 anos uhauahuahauha

    Eu amo, sério. Espero que não acabe mesmo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu tb amo loucamente essa série, Camila =D Mas eu não sei até que ponto é bom essa enxurrada de temporadas. Fico com medo de que uma hora eles percam a mão e acabem finalizando a série de uma forma bem canastrona. Sam e Dean depois de todo esse tempo merecem mais do que um final épico.

      Mas que é bom esse festival de episódio louco, isso é!

      =D

      Excluir
  2. Adoro essa serie essa dupla e´culpada por euzinha passar a enfrentar o desafio de ver filme de terror mas aqueles leve a moderados pôs Trash não suporto vê um episodio que mais parecia filme para adolescente so´tinha gente jovem parecia adolescente pena que não repetiram a dose ,e um conselho para quem quiser seguir , me disseram que a sexta ,sétima e oitava temporadas eram horríveis a sexta e sétima por causa dos leviatãs e eu idiota não assisti ai ate´que fui assistir um episodio que por erro meu entrou e não era o que eu esperava e quando fui conferir era da sexta temporada passei a assistir essas temporadas e adorei e´quando o BOB e´baleado,e os caras ficam muito sensíveis adoroooo homem sensível E MOCINHA TEM EPISODIOS NOJENTOS DE FECHAR OS OLHOS NESSA SERIE os das bruxas,quando eles vão a uma casa que virou museu que o garoto tem medo e eles descobrem que era outra,a casa mal assombrada a casa das bonecas, a participação da milionária.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A série tem muitos episódios memoráveis, né? Mas não acho que teve muita coisa trash não. Os irmãos estão sempre se superando e enfrentandos batalhas diferentes. Algumas temporadas poderiam ter passado batdas, mas tiveram aquelas que foram simplesmente épicas. Adoro Sam & Dean. #WinchesterFan

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...